Sou daquelas mulheres que viaja sozinha, mas não pense que sou exceção! Por onde ando tem muita mulherada se curtindo, sem cronômetro e relógio no pulso, dona do seu destino. Sem saber o que resultaria das minhas viagens, encontrei muitos pontos positivos e talvez por isso eu seja menos acelerada que antigamente. Vi que de fato o Universo sempre dá uma organizada nas coisas, mesmo que você não esteja esperando!

 

 

woman-trip-viajar-sozinha-mulheres-viajantes


Em minhas viagens, tenho o cuidado de fazer cópia de todos os documentos e salvá-los no e-mail, deixar as reservas de hotéis e passagens organizados em uma pasta, baixar no celular os aplicativos úteis, levar a mala sem excesso de roupas, nada de secador ou chapinha, muita roupa térmica (não pesa e resolve o frio numa boa), também aproveito para contratar aulinhas básicas para reciclar a língua estrangeria e um plano de saúde válido durante os dias que estive turistando. Além disso, troco dicas com mulheres do mundo todo, através de blogs.

 

woman-trip-viajar-sozinha-mulheres-viajantes


Além de ir e voltar segura, ainda tive lucro nos pontos abaixo:


1. Mostrei a mim mesma que tenho coragem
Viajar sozinha é sair da zona de conforto, é ser mais valente, mais consciente.

2. Descobri uma nova e deliciosa maneira de viver
Sozinha pude observar mais as pessoas e sair do meu mundinho. 

 

woman-trip-viajar-sozinha-mulheres-viajantes


3. Vi que eu não faço falta. E isso é ruim? Não! É libertador.
Sim, o mundo vai continuar girando, as pessoas vão continuar vivendo, chorando, rindo.

4. Perdi o medo da vida
Quem viaja sozinha encara medos, perrengues, mesmo que temporários, mas vive momentos de superação, de alegria (cheguei a sair andando sozinha chorando de alegria), que compensam tudo e já servem de lição para várias situações na minha vida.

 

woman-trip-viajar-sozinha-mulheres-viajantes


5. Aprendi a viver comigo mesma
É legal ter todos laços sociais sim!! Mas você não evolui se não tiver um tempo para ouvir a você mesma. 

6. Aprendi a escutar mais
Ótimo flanar (caminhar sem rumo) em silêncio e escutar vozes. Tagarela como sou, horas de silêncio me tiraram pesos de letras... Quando escutava alguém falando minha língua, encostava logo e criava contatos, trocava celular e marcávamos passeios onde, no final, a frase mais comum usada era: Boa viagem Larissa! Até outro dia quem sabe né?

 

woman-trip-viajar-sozinha-mulheres-viajantes


7. Usei meu raciocínio com mais agilidade
Descobri que não posso andar sozinha com um mapa da cidade na mão. Em todo lugar pode ter alguém esperto querendo encontrar uma Womantrip de olhos brilhando com mapinha na mão pedindo informação. Então planejamento e googlemaps (ou outro aplicativo virtual) sempre são importantíssimos antes de sair pelo mundo.

8. Acentua a educação e a cordialidade
Viajar faz com que você seja muito educada e gentil. Deixa seu ego lá nas "Cucuias"! Palavras cordiais que por vezes esquecemos de pronunciar no corre-corre da vida. Um bom dia, obrigada, por favor, boa noite, em excesso, você só tem a ganhar!

 

woman-trip-viajar-sozinha-mulheres-viajantes

 

9. Não tem como NÃO fazer amigos

O universo conspira a favor, de quem não conspira contra ninguém. Essa frase concretizou. Sou prova viva! Fiz novos amigos Brasileiros, Italianos, Franceses, Escoceses e a maioria... adivinha? Piauienses. Se quiser se isolar, se feche num quarto...não viaje!

Pouquíssimas coisas na vida, para mim, são tão prazerosas quanto viajar. Viajando eu conheço outros povos, costumes, culturas, e volto enriquecida!

Sozinha é muito diferente de solitária!!! 

Beijos xuxus!

Larissa Bastos - Woman Trip